Participe de nossas redes sociais:
siga o EncontraPI no Facebook
siga o EncontraPI no twitter
participe da página EncontraPI no Google+


O Estado do Piauí possui alguns dos maiores sítios arqueológicos do Brasil, como por exemplo o Parque Nacional Serra da Capivara. Sua capital, Teresina, é dona de muitos pontos turísticos e atraem milhares de pessoas.

 

Nasceu em 2008 o piauiense Encontra Piaui com a missão de ser o maior Guia de Bairros e cidades do Piaui
Todos os bairros de Teresina e cidades PI
“ aqui Piauiense Encontra ”
Teresina - Piauí

Guia Piauí

Teresina

Parnaíba

 

Sobre o estado do Piauí (PI)

O Piauí é uma das 27 unidades federativas do Brasil. Está localizado a noroeste da região Nordeste e tem como limites o oceano Atlântico (N), Ceará e Pernambuco (L), Bahia (S e SE), Tocantins (SO) e Maranhão (O e NO). Ocupa uma área de 251.529 km² (pouco maior que o Reino Unido) e tem 3.032.421 habitantes. Sua capital é a cidade de Teresina, sede do Poder Judiciário Estadual.

As cidades mais populosas são Teresina (802.537 hab), Parnaíba (146.059 hab), Picos (73.021 hab), Piripiri (62.107 hab), Floriano (57.968 hab), Campo Maior (46.068 hab), Barras (44.913 hab), União (43.135 hab), Altos (39.735 hab) e Pedro II (37.850). O relevo é moderado e a topografia regular, com mais de 53% abaixo dos 300 metros. Parnaíba, Poti, Canindé, Piauí e Gurguéia são os rios principais.

História

No Piauí há vestígios da presença do homem americano que datam até 50 000 anos. Estes estão presentes no Parque Nacional da Serra da Capivara, na Serra das Confusões e em Sete Cidades. O Parque Nacional da Serra da Capivara é talvez o mais importante. Lá, foram encontrados a cerâmica mais velha das Américas, um bloco de tinta de 10 000 anos, fósseis humanos e animais, pinturas rupestres e outros artefatos antigos.

Antes da Independência do Estado do Piauí, a economia era a base da criação de gado, cultivo do algodão, que era considerado o melhor do brasil, cana-de-açúcar, fumo entre outros.

Monumento do Jenipapo no Piauí
Monumento do Jenipapo. Símbolo de bravura do povo piauiense. Lá ocorreu uma das principais guerras em prol da independência do Brasil

Geografia

Relevo

O relevo piauiense abrange planícies litorâneas e aluvionares, nas faixas das margens do rio Parnaíba e de seus afluentes, que permeiam a parte central e norte do Estado. Ao longo das fronteiras com o Ceará, Pernambuco e Bahia, nas chapadas de Ibiapaba e do Araripe, a leste, e da Tabatinga e Mangabeira, ao sul, encontram-se as maiores altitudes da região, situadas em torno de 900 metros de altitude. Entre essas zonas elevadas e o curso dos rios que permeiam o Estado, como, por exemplo, o Gurgueia, Fidalgo, Uruçuí Preto e o Parnaíba, encontram-se formações tabulares, contornadas por escarpas íngremes, resultantes da áreas erosivas das águas.

Hidrografia

Enquanto os estados do Nordeste oriental contam com apenas um rio perene, o rio São Francisco, com aproximadamente 1.800 quilômetros dentro de seus territórios, o Estado do Piauí conta com o rio Parnaíba e alguns de seus afluentes, entre eles o Uruçuí Preto e o Gurgueia que, somando-se seus cursos permanentes, ultrapassam 2.600 km de extensão. O Estado conta ainda com lagoas de notável expressão, tais como a de Parnaguá, Buriti e Cajueiro, que vêm sendo aproveitadas em projetos de irrigação e abastecimento de água na região.

Praia Pedra do Sal, Delta do Parnaíba - Piauí
Praia Pedra do Sal, Delta do Parnaíba.

A perenidade dos rios piauienses, entretanto, encontra-se ameaçada. Os rios sofrem intenso processo de assoreamento, sempre crescente, em decorrência do desmatamento acentuado que ocorre no Estado, principalmente nas nascentes e nas margens dos rios.

Vegetação

Predominam quatro classes vegetacionais: caatinga, cerrado, mata de cocais e floresta.

Clima

Duas tipologias climáticas ocorrem no estado. A primeira, classificada por Köppen como tropical quente e úmido (Aw); domina a maior parte do território variando entre 25 e 27 °C. As chuvas na área de ocorrência deste clima também são variáveis. Ao sul, indicam cerca de 700mm anuais, mais ao norte a pluviosidade aumenta, atingindo índices próximos a 1.200mm/ano.

O segundo tipo de clima predomina na porção sudeste do estado, sendo classificado como semiárido quente (Bsh). As chuvas ocorrem durante o verão, distribuindo-se irregularmente, alcançando índices de 600mm/ano; pela baixa pluviosidade, a estação seca é prolongada (oito meses mais ou menos) sendo mais drástica no centro da Serra da Ibiapaba. As temperaturas giram na casa dos 24 a 40 °C, tendo seus invernos secos.

Etnias

Cor/Raça Porcentagem
Pardos 63%
Brancos 33%
Negros 3%

Fonte: PNAD (dados obtidos por meio de pesquisa de autodeclaração).

Teresina no Piauí
Teresina no Piauí.

Ciência e tecnologia

Apesar do pouco investimento e incentivo do governo nesta área, o Piauí se destaca na área de Tecnologia. Alunos de Ciência da Computação da UFPI lançaram uma distribuição Linux chamada Kuia Linux, que diminuiu em 30% o custo dos computadores adquiridos pela instituição. Também, o Piauí conta com um serviço gratuito de e-mail, chamado AmoPiauí.

Infra-estrutura

Educação

Resultados no ENEM
Ano Português Redação
2006
Média
33,15 (18º)
36,90
49,28 (19º)
52,08
2007
Média
45,28 (20º)
51,52
53,35 (21º)
55,99
2008
Média
35,78 (20º)
41,69
58,24 (15º)
59,35


Economia

A economia do estado é baseada no setor de serviços (comércio), na indústria (química, têxtil, de bebidas), na agricultura (soja, algodão, arroz, cana-de-açúcar, mandioca) e na pecuária extensiva.

Ainda merecem destaque a produção de mel, o caju e o setor terciário em Picos e produção de biodiesel através da mamona em Floriano.

Extrativismo vegetal

Ocorre principalmente nos vales úmidos, onde predominam as matas de babaçu e carnaúba.

Extrativismo mineral

Diversos estudos geológicos demonstram a existência de potencial bastante promissor de exploração mineral. Entre as ocorrências de maior interesse econômico, encontram-se o Mármore, o amianto, as gemas, a ardósia, o níquel, o talco e a vermiculita. Vale ressaltar que o Piauí á dotado de grandes reservas de águas subterrâneas artesianas e possui a segunda maior jazida de níquel do Brasil, localizada no município de São João do Piauí. Ainda em 2009 foi anunciada a descoberta de uma grande jazida de ferro no município de Paulistana, sendo esta a segunda maior jazida de ferro do mundo.

Pecuária

A pecuária foi a primeira atividade econômica desenvolvida no estado, fazendo parte de sua tradição histórica. O folclore e os costumes regionais derivam em grande parte da atividade pastoril. Entre os rebanhos, destacam-se os caprinos, bovinos, suínos,ovinos e asininos.

Agricultura

A agricultura no Estado do Piauí desenvolveu-se paralelamente á pecuária, como atividade quase que exclusivamente de subsistência. Entre as culturas tradicionais temporárias sobressaem-se o milho, o feijão, o arroz, a mandioca, o algodão herbáceo, a cana-de-açúcar e a soja. Entre as culturas permanentes, destacam-se a manga, a laranja, castanha-de-caju e o algodão.

Turismo

Teresina - A Rainha do Nordeste, é a única capital nordestina fora do litoral, porém com muitas belezas a sererm descobertas para quem chega ao promissor Estado do Piauí. A cidade é muito bem projetada e arborizada, conhecida como 'Cidade Verde', e não é a toa, pois Teresina possui vários parques ambientais. Em Teresina pode-se encontrar muitos pontos turisticos como o Encontros dos Rios, o Parque Zoobotânico, Pólo Cerâmico do Poty Velho, Central de Artesanato, Ponte Estaiada, Floresta Fóssil, Balneário Curva São Paulo e uma vasta culinária típica que vai da Maria Isabel, passando pelo capote até o caranguejo e a famosa Cajuína.

Litoral - No norte do estado o turismo apresenta-se mais forte por conta do litoral com as suas belas praias e o famoso Delta do Rio Parnaíba, o único delta em mar aberto das Américas. As praias do Piauí atraem turistas do mundo inteiro e principalmente esportistas que aproveitam os fortes ventos da região para a prática de surf e esportes similares. É no litoral do Piauí onde há um importante projeto de proteção ao peixe-boi marinho. Os principais municípios do litoral do estado são Parnaíba e Luís Correia.

Ecoturismo

Parque Nacional da Serra da Capivara no Piauí
Parque Nacional da Serra da Capivara.

Na região centro-norte encontra-se o Parque Ecológico da Cachoeira do Urubu, onde nos primeiros semestres de cada ano a abundância das quedas d'água proporcionam uma paisagem de imensa beleza conhecida como as "cataratas do iguaçu piauiense". Também na região centro-norte do estado encontra-se Cânion do Rio Poti.

Parques Nacionais - No sul do estado o forte são os parques nacionais, onde há os mais importantes sítios arqueológicos do Brasil, o Parque Nacional Serra da Capivara, e também onde fica o Museu do Homem Americano. Também há o Parque Nacional de Sete Cidades e o Parque Nacional da Serra das Confusões, este último ainda não liberado a visitações.

 

Índice

Dados

Lema Impavidum Ferient Ruinae (As dificuldades não me amedrontam)

Gentílico piauiense

Bandeira do Maranhão
(Bandeira)

Brasão do Maranhão
(Brasão)

Localização

Região Nordeste
Estados limítrofes: Tocantins, Maranhão, Bahia, Ceará e Pernambuco
Mesorregiões: 4
Microrregiões: 15
Municípios: 224

Capital

Teresina

Governo (2011 a 2014)

Governador Wilson Nunes Martins (PSB)
Deputados Federais: 10
Deputados Estaduais: 30
Senadores:Heráclito Fortes (DEM), João Vicente Claudino (PTB), Mão Santa (PSC)

Indicadores (2008)

Esper. de vida 69,3 anos (24º)
Mort. Infantil 27,2‰ nasc. (18º)
Analfabetismo 24,3% (26º)
IDH 0,703 (25º) - médio - 2005

Características geográficas

Área 251 529,186 km² (11º)
População
3 145 325 hab. (17º) (2009)
Densidade
12,50 hab./km² (18º)
Altitude
abaixo de 900 metros
Clima
tropical
Fuso horário UTC-3

Economia (2006)

PIB R$12.790.892 (23º)
PIB per capita R$4.213 (27º)

Site do governo

www.pi.gov.br





Conheça a atuação do EncontraBrasil nos estados brasileiros
Mapa do Brasil
- Acre - Maranhão - Rio de Janeiro
- Alagoas - Mato Grosso - Rio Grande do Norte
- Amapá - Mato Grosso do Sul - Rio Grande do Sul
- Amazonas - Minas Gerais - Rondônia
- Bahia - Pará - Roraima
- Ceará - Paraíba - Santa Catarina
- Distrito Federal - Paraná - São Paulo
- Espírito Santo - Pernambuco - Sergipe
- Goiás - Piauí - Tocantins